Menu


 

(83) 98109-8149

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

A Terra Prometida é a nova superprodução da Rede Record com investimento de R$ 650 mil por capítulo

01 JUL 2016
01 de Julho de 2016

 Novela foi apresentada em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (30)

Equipe e elenco se reúnem para apresentar A Terra Prometida (Foto: Reprodução/Instagram)

 Escrita por Renato Modesto e com direção de Alexandre Avancini, A Terra Prometida é a nova superprodução da Rede Record.

Ao todo, cerca de 80 atores participam de A Terra Prometida. Estão previstos 130 capítulos e o investimento médio em cada um é de R$ 650 mil. A superprodução conta com belíssimas cenas gravadas no deserto de Angola, na África, e em Israel.

O vice-presidente artístico e de produção da Rede Record, Marcelo Silva, falou sobre a grandiosidade da produção. “Em parceria com a Casablanca, nós temos essa estrutura com 43 cenários, que foram preparados para atender essa produção e um elenco muito especial”.

A novela, que estreia na próxima terça-feira (5), às 20h30, substitui e dá continuidade ao fenômeno Os Dez Mandamentos. Moisés (Guilherme Winter) morre e deixa o comando nas mãos de um novo líder: Josué (Sidney Sampaio). Viúvo de Ana, o hebreu planejava ficar solitário o resto da vida, mas apaixona-se pela bela e corajosa Aruna (Thaís Melchior).

O autor da novela, Renato Modesto, falou sobre a responsabilidade de dar continuidade a um grande sucesso, e, ao mesmo tempo, criar uma nova novela: “Os Dez Mandamentos é mais do que um sucesso. É um fenômeno da televisão brasileira”.

Modesto explicou como conseguiu interligar uma novela na outra, mantendo os aspectos que conquistaram o público, mas, ao mesmo tempo, inovando: “Temos que manter uma continuidade para que esse público se sinta atraído, encontrando em A Terra Prometida, elementos que haviam em Os Dez Mandamentos. Mas, por outro lado, A Terra Prometida é uma nova novela. Totalmente nova. Novos personagens, novas tramas”

O diretor-geral, Alexandre Avancini, que também dirigiu as duas temporadas de Os Dez Mandamentos, adiantou dois grandes momentos de A Terra Prometida: “A queda das muralhas de Jericó é um momento muito emblemático da trama. Teremos também a abertura do rio Jordão, que também será um momento muito emblemático”.

Avancini se mostrou animado com o novo trabalho e nova equipe de trabalho: “Vamos entregar para o público uma superprodução com um elenco estelar. Estou muito feliz em trabalhar com esse grupo de atores”.

R7

Voltar
Tenha você também a sua rádio